sábado, 20 de setembro de 2014

Arqueólogos descobrem prisão do 'Conde Drácula'


Uma equipe de arqueólogos envolvidos em escavações sob o castelo de Tokat, na Turquia, anunciou a descoberta de um túnel que conduz a duas celas secretas.

Em um destes calabouços, teria sido detido o príncipe Vlad III (1431-1476), que era apelidado de "O Empalador" por conta de sua crueldade e serviu de inspiração para o personagem Conde Drácula, do escritor irlandês Bram Stoker.

Segundo algumas reconstruções históricas, o então governante do território que corresponde à atual Romênia, feroz combatente contra as invasões do Império Otomano, teria sido capturado pelos turcos em meados do século XV e mantido como prisioneiro em Tokat.

Em entrevista ao jornal "Hurriyet", o arqueólogo líder das escavações, Ibrahim Cetin, disse que o castelo está completamente rodeado de túneis e celas secretos. Ele se mostrou convencido de que por uma delas passou o príncipe. "Mas é difícil saber em qual", acrescentou.

Vlad III tinha como sobrenome "Draculea", que em romeno significa "filho do dragão", em referência à ordem cristã à qual seu pai, Vlad Dracul, se juntou para enfrentar os otomanos.

Fonte: Rede TV
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...